Escolas Municipais recebem novas salas de aula

A Secretaria Municipal de Educação e Cultura de Ivoti adquiriu duas novas salas de aula para suprir a demanda de alunos nas Escolas Municipais de Ensino Fundamental Jardim Panorâmico e Aroni Mossmann.


Na manhã da última terça-feira (24/02), o Prefeito Municipal de Ivoti, Arnaldo Kney, a Secretária Municipal de Educação e Cultura, Marlene Zilles, e a Gerente Comercial da Siscobras, Roberta Gomes de Oliveira, visitaram as escolas.


Para atender todos os alunos no início do ano letivo, a Secretaria Municipal de Educação e Cultura solicitou os módulos com a empresa Siscobras, que é a única que possui o sistema Fast Flex. Com um investimento de 118 mil, os módulos com dimensões 3x6m foram entregues e instalados num período de 60 dias. Garantindo, assim, que todos os estudantes pudessem iniciar as aulas com um espaço de estudo.

“Foi fundamental que optássemos pelos módulos para começar o ano letivo com essas salas para que os alunos tivessem os espaços necessários desde o primeiro dia de aula e isso só foi possível graças à agilidade e tecnologia da Siscobras, uma empresa ivotiense, comenta a Secretária Municipal de Educação e Cultura, Marlene Zilles.
Dois módulos foram utilizados para comportar uma turma dos anos finais na Aroni Escola Municipal Mossmann, a qual encerrou o ano letivo de 2014 com 218 estudantes, e em 2015 foram registradas 11 novas matrículas, sendo que não possuía a 8ª série no ano passado.


O estudante Rafael Waechter, de 11 anos, aprovou a nova sala. “Eu achei legal porque é diferente da sala que a gente tinha antes, e é bem confortável. O espaço é bom e a nossa turma é pequena”.
Já na Escola Municipal Jardim Panorâmico, foi utilizado apenas um módulo. Com 408 alunos no ano letivo de 2015, a escola precisava de mais ambientes, então o laboratório de apredizagem foi transformado em sala de aula, para que o problema fosse solucionado rapidamente, e o novo módulo abrigará o laboratório.


Para o Prefeito Municipal de Ivoti, Arnaldo Kney, essa obra era necessária. “É uma sala de emergência, eu fico feliz porque foi possível fazer em tempo recorde, nós começamos as aulas dentro de uma normalidade”, esclarece.

Compartilhar :

Vejas Outras Notícias